As notas do GP de Mônaco de F1

Um desfile com muitos momentos de sono e quase nenhuma animação. Embora o GP de Mônaco não se notabilize pelo divertimento, a edição de 2018 foi especialmente modorrenta

Gabriel Curty, de Indianápolis,
Pedro Henrique Marum, do Rio de Janeiro &
Vitor Fazio, de Porto Alegre

1º) Daniel Ricciardo - 10.0 - Fez por merecer uma rara nota 10 no Ranking GP. O australiano liderou absolutamente todas atividades em Mônaco (TL1, TL2, TL3, Q1, Q2, Q3 e corrida de ponta a ponta). Quando o carro apresentou falhas, Ricciardo segurou a onda e não deu qualquer chance a Vettel. Consequência de uma prova completamente livre de erros.

2º) Sebastian Vettel - 7.5 - Deixa Mônaco com a impressão de que poderia fazer mais. É verdade que a Ferrari não tinha o melhor carro no principado, mas Vettel não pareceu muito interessado em ameaçar ou pressionar Ricciardo, vulnerável pela perda de potência. A distância para Hamilton no Mundial caiu, mas poderia cair mais.

3º) Lewis Hamilton - 7.0 - Não foi brilhante, fazendo só o dever de casa. Controlar o consumo acentuado de pneus foi a chave para conseguir um pódio em uma das corridas mais difíceis para a Mercedes. No longo prazo, pensando em título, este poderá ser um resultado importante.

Quer ler esta matéria na íntegra?