Siga-nos

Análise

A esperança em tempos melhores

Que após o crepúsculo de 2020, no marasmo do GP de Abu Dhabi, o amanhecer de 2021 seja melhor para todos nós

Estamos aqui, em 13 de dezembro, encerrando a temporada de Fórmula 1. O fato é que 2020 não foi um ano típico. Expressões como “protocolo” e “novo normal” entraram no vocabulário do dia a dia enquanto o mundo viu o avanço da pandemia da Covid-19. Perdemos, até aqui, 1,6 milhão de pessoas (oficialmente) pela doença. O mundo mudou drasticamente – e a Fórmula 1 tentou se adaptar a isso, com o GP de Abu Dhabi finalmente finalizando tudo.

Claro que a corrida de Yas Marina foi chata, como é difícil se imaginar diferente do circuito árabe. Ainda assim, o resultado final do GP de Abu Dhabi não deixa de ser interessante: segunda vitória de Max Verstappen e da Red Bull no ano, terceira dos motores Honda. O holandês ganhou com certa tranquilidade, enquanto a Mercedes claramente não fez frente aos carros austríacos. A vitória veio ao manter a primeira posição na largada.

Verstappen no GP de Abu Dhabi
Verstappen teve um amplo domínio em Yas Marina (Foto: Twitter / Red Bull Racing)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

A equipe alemã correu tranquila, já com o título garantindo? Provável. Lewis Hamilton não está 100% após ter pego a Covid? Certeza, ele mesmo disse. Isso não muda o fato de termos o gostinho, mais uma vez, de uma alternância no alto lugar mais alto do pódio.

Aliás, alternância entre as vitórias foi algo que também aconteceu em 2020. Tivemos cinco vencedores diferentes, algo que não tinha acontecido no período de domínio da Mercedes, na era dos motores híbridos. Isso em uma temporada com menos corridas, 17.

Ok, desses cinco, dois venceram apenas uma vez, outros dois venceram duas vezes. Quem dominou tudo foi Lewis Hamilton, com 11 primeiros lugares. Mas, vamos ver o copo meio cheio, não é mesmo?

Mesmo com tanto domínio de um único piloto, vimos a história também sendo feita. Temos um heptacampeão, igualando o recorde de títulos de Michael Schumacher. O inglês também passou o alemão em vitórias, tento agora 95. O recorde de poles se ampliou ainda mais: 98.

Falando em poles, 2020 viu a primeira de Lance Stroll. Também tivemos as primeiras vitórias de Pierre Gasly e Sergio Pérez, coroando carreiras de muita batalha e cheias de altos e baixos. Choramos junto com eles no pódio. Pódios que tiveram 13 pilotos diferentes, dos 23 que competiram no ano.

Bottas pilotando no derradeiro crepúsculo de 2020, em Abu Dhabi (Foto: Twitter / Mercedes)

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

Superação também foi a palavra da McLaren: terceira no Mundial de Construtores, em um ano difícil fora das pistas, com diversas questões financeiras. Que um dos grandes times da história da F1 continue crescendo e possa voltar a lutar por vitórias.

A disputa do time foi com a Racing Point, que, apesar da crítica ao ter burlado o regulamento na cópia do carro da Mercedes, também fez um bom ano – e tem expectativas ainda maiores em 2021, com o nome Aston Martin e a presença de Sebastian Vettel.

Aliás, Aston Martin e McLaren terão os mesmos motores Mercedes no próximo ano. Será interessante.

Interessantes também foram os GPs novos adicionados ao calendário. Se a Fórmula 1 não pode correr em lugares ótimos como Interlagos e Montreal, tivemos o retorno do GP de Portugal e a presença do anel externo de Sakhir, entre outras mudanças de calendário.

O ano de 2020 não foi bom em diversos sentidos. Sofremos, perdemos gente querida, nos machucamos. Mas, dentro do possível, nos reinventamos e superamos aquilo que era possível superar.

Vamos nos apegar ao que teve de bom e ter a esperança de algo melhor em 2021. Seja em nossas vidas, nas vidas daqueles que amamos e naquilo que une você, que está lendo, e eu que estou aqui, escrevendo: a paixão pelo automobilismo e pela F1.

https://www.youtube.com/watch?v=WZbcImQBPhA

© 1995 - 2020 - GrandePremio.com.br - Todos os direitos Reservados.

Connect